Mercado de Bitcoins é confiável?

mercado-de-bitcoins-é-confiávelQueridas, devido à muitas perguntas, dúvidas enfim, realmente, não costumo falar sobre elas, as moedas digitais, por isso, hoje resolvi tirar um tempinho para pesquisar e dividir com vocês o que aprendi sobre as criptomoedas que, pelo jeito, vieram para ficar.

Então, embora até pouco tempo ninguém falasse sobre elas, na verdade, eram conhecidas mesmo só por pessoas ligadas à área de investimentos e de tecnologia, porém, de um tempo para cá, elas ganharam grande projeção na mídia e está todo mundo falando a respeito. A ponto de me perguntarem muito sobre o assunto e, por isso, resolvi falar com vocês a respeito.

E, claro, como é de se imaginar, uma dúvida que sempre surge é onde comprar as criptomoedas, ou melhor, Bitcoins,  principalmente, se tem como comprar de uma forma segura e confiável.

O que é Bitcoin

Então, vamos começar entendendo melhor o que é Bitcoin que, na verdade, é uma forma de moeda digital, criada e realizada eletronicamente.

Importante saber: Ninguém o controla.

É preciso saber que Bitcoins não são impressos, como dólares ou reais, eles são produzidos por pessoas, e cada vez mais empresas, executando computadores em todo o mundo, usando software que resolve problemas matemáticos.

Bitcoin, na verdade, é o primeiro exemplo de uma categoria de dinheiro que vem crescendo, conhecida como criptomoeda. Por isso, hoje, quando falamos de criptomoeda estamos, automaticamente, falando de Bitcoins.

Bitcoins X Moedas normais

mercado-de-bitcoinsEntão, para entender um pouco mais, vamos ver uma das principais diferenças entre Bitcoins e as moedas normais.

Os Bitcoins podem ser usados para comprar coisas eletronicamente, tal como dólares convencionais, reais ou euros, que também podem ser negociados digitalmente.

Porém… a principal característica do Bitcoin, e o que o torna diferente do dinheiro convencional, é que ele é descentralizado, ou seja, nenhuma instituição central, como o Banco Central, controla a rede Bitcoin.

Para muitos, essa é uma grande vantagem, já que significa que, ao contrário das moedas normais, um grande banco não pode controlar seu dinheiro.

Um pouco de sua história

Ainda muito novo, não tem nem 10 anos de vida ainda, o Bitcoin foi inventado em 2009 pelo programador Satoshi Nakamoto, que o chamou de “primeira moeda digital descentralizada”.

Nakamoto queria um sistema de pagamento eletrônico baseado em provas matemáticas. A idéia era produzir uma moeda independente de qualquer autoridade central, transferível eletronicamente, mais ou menos instantaneamente, com taxas de transação muito baixas.

Como o Bitcoin é impresso?

Na verdade, uma das diferenças do Bitcoin para a moeda tradicional é que o Bitcoin não é fisicamente impresso por um banco central, onde eles podem simplesmente produzir mais dinheiro para cobrir a dívida nacional, desvalorizando assim sua moeda.

O Bitcoin é criado digitalmente, por uma comunidade de pessoas que qualquer um pode participar. Bitcoins são ‘minerados’, usando poder de computação em uma rede distribuída.

Essa rede também processa transações feitas com a moeda digital, tornando efetivamente o Bitcoin sua própria rede de pagamento.

É possível ter um numero ilimitado de Bitcoins?

como-minerar-bitcoinsNão. De acordo com o protocolo bitcoin – as regras que fazem bitcoin trabalhar – apenas 21 milhões de Bitcoins podem ser criados por mineradores. Porém, essas moedas podem ser divididas em partes menores (a menor quantidade divisível é cem milionésimo* de um bitcoin e é chamado de “Satoshi”, após o fundador de bitcoin) *(1 Satoshi = 0,0000001 Bitcoins).

O bitcoin é baseado em quê?

Enquanto a moeda corrente convencional foi baseada no ouro ou na prata, ou seja, se você entregasse um dólar no banco, você poderia obter algum ouro de volta (embora isso só funcionasse teoricamente, na prática não era bem assim), o Bitcoin não é baseado em ouro, na verdade, é baseado na matemática.

Assim, no mundo inteiro, as pessoas estão usando programas de software que seguem uma fórmula matemática para produzir Bitcoins. A fórmula matemática está livremente disponível, sendo de código aberto, de modo que qualquer um pode verificá-la.

Principais características dos Bitcoins?

Os Bitcoins tem várias características importantes que o diferenciam de moedas convencionais, confira algumas delas:

Plataformas de negociação:

Ok, me interessei, mas como começo a investir em Bitcoins? Então, é preciso escolher uma entre as muitas Exchanges, que são plataformas eletrônicas de negociação acessadas através de sites onde usuários se cadastram para vender e comprar bitcoins e outras moedas digitais.

As exchanges não negociam as criptomoedas diretamente, poré, essas plataformas possibilitam o contato entre pessoas que querem vender com pessoas que querem comprar, ou seja, intermediar.

As exchanges não só servem de intermediárias como também asseguram que os compradores recebam suas criptomoedas e que os vendedores recebam o dinheiro de forma segura e transparente.

Por isso, a maioria das exchanges exige que o investidor deposite uma certa quantia de dinheiro em sua conta de negociação e, só então, faça as transações com a moeda virtual, no caso, o Bitcoin.

Enfim, de uma forma super rápida, após o depósito, o usuário já pode converter seus reais, dólares, etc. em moeda virtual e esperar o melhor momento para vender e ter lucros ou realizar pagamentos nacionais e internacionais a um custo reduzido.

Como escolher uma boa Exchange

Como-escolher-uma-boa-ExchangeTaxas de negociação: Diferentemente de outras moedas, não existe uma taxa de câmbio oficial para as criptomoedas, no caso, os Bitcoins. Existe a taxa média do mercado e cada negociante é livre para determinar o seu câmbio, sem falar que as exchanges costumam cobrar uma comissão por cada transação. Por isso, a dica é observar a taxa média do mercado e os percentuais cobradas por cada uma delas, ou seja pesquise, pesquise e, por fim, pesquise!

Taxas de depósito e resgate: E vale prestar muita atenção, ainda mais que esse é um mercado, como eu falei antes, muito novo. Por isso, vale saber que além das taxas de negociações, é comum a cobrança de taxas para resgate bem como depósito de valores e moedas na conta da exchange;

Métodos de pagamento: Geralmente, os métodos de pagamento usados são cartão de crédito, transferência bancária, Paypal entre outros. Muitas exchanges também aceitam pagamentos em diferentes moedas, como Real, Dólar, Euro ou outras criptomoedas (sim, existem outras);

Segurança: A segurança deve ser um fator crucial para as exchanges, portanto, pesquise os métodos de identificação usados, como a encriptação e outras medidas que são fundamentais para garantir a segurança do investidor;

Suporte: Pesquise se poderá contar com o devido suporte, desde o horário de Atendimento (disponibilidade publicada de atendimento a clientes) e Canais de Atendimento (canais disponíveis para atendimento como chat, e-mail, telefone, etc);

Privacidade: Se certifique de que a Exchange escolhida está em dia com as atuais políticas de privacidade, as políticas de coleta, manipulação, armazenamento e segurança de documentos pessoais;

Dados Corporativos: Não confie na primeira Exchange que encontrar, pesquise seu CNPJ, se é Válido e conhecido, idade da empresa (tempo de operação no mercado), membros / estrutura societária conhecida (transparência na estrutura de propriedade, gestão e responsáveis legais pela operação), procedimentos fiscais e tributários (transparência nos procedimentos de emissão de notas fiscais, impostos e classificação da operação), se certifique de que não há reclamações.

Mercado Bitcoin é Confiável?

A resposta é SIM, claro! Embora seja um mercado muito novo, no Brasil chegou só em 2011, após atingir US$ 1 bilhão e chegar à paridade com o dólar, é um mercado que só tende à crescer.

Logo que começaram a ser comercializados, muitas pessoas não acreditavam nessa nova moeda. Mas, um pequeno grupo decidiu apostar tudo nela, e entre eles Erik Finmar decidiu pagar US# 1 mil por algumas Bitcoins… então, acredite, hoje, ele já conta com um montante de nada menos que US# 1 milhão.

E enquanto ainda tem gente que duvida do poder dessa moeda, achando que estão supervalorizadas, Finman tem certeza que futuramente chegarão a valer algo entre US# 200 mil e US# 1 milhão por moeda.

O fato é que desde que Finman começou a ganhar (muito) dinheiro com Bitcoin, foi criado um robot, Expert Bitcoins,  cujo algoritmo usa algo que o jovem rapaz usa nas suas negociações para ganhar dinheiro, ou seja, através de uma estratégia usada por um jovem multimilionário que fez fortuna operando com Bitcoin.

Se esse robot realmente funciona, isso só testando para ver…

E você, quer ter acesso á fórmula que Finman utilizaou para virar um multimilionário?

O que é Expert Bitcoins?

Expert BitcoinsExpert Bitcoins é um robot que opera através de corretoras de Opções Binárias, de uma forma totalmente automática na conta da corretora.

É possível escolher operações de curto prazo ou longo prazo, e ainda escolher o nível de risco e o valor da operação.

Como usar Expert Bitcoins

Na verdade, usar o Expert Bitcoins é bem simples, basta fazer um cadastro, apenas com os dados pessoais e podemos logo entrar na plataforma do robot.

É possível configurar algumas coisas, como ativos que queremos, tipo de operação (turbo ou binário), nível de risco e valor por operação.

Depois podemos escolher se queremos depositar ou usar em demo, o que é uma vantagem, pois testar antes de depositar é sempre uma vantagem para ter uma ideia de como funciona.

Vale saber que o valor mínimo para depositar no Expert Bitcoins é de 250 dólares. E feito o depósito, é só configurar e deixar o Expert Bitcoins trabalhar de forma autónoma.

Se interessou pelo Bitcoins Formula? Então, é só acessar o site oficial

E não esqueça de contar pra gente, ok? Nada de ficar rica e sumir!!!

No mais, vale saber que, como sempre, uns tem melhores resultados que outros, a minha opinião é que o ideal é você pesquisar muito!!!

comprar


Leave a Reply